Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Albufeira Sempre

Diário sobre Albufeira.

Albufeira Sempre

Diário sobre Albufeira.

Implantação da República

albufeiradiario, 05.10.08

CINCO DE OUTUBRO

ZÉ D'ALBUFEIRA      1830

Hoje é o dia em que Portugal evoca a proclamação da República, em 1910.

Dado que se trata de um tema fracturante para a sociedade portuguesa, como agora se diz, e porque não queremos de modo algum hostilizar os monárquicos (com a República que temos presentemente, bastante tem aumentado o seu número), abstemo-nos de quaisquer considerações de cariz histórico-ideológico.

 

3 comentários

  • Sem imagem de perfil

    Isidério Silva 08.10.2008

    Tem razão Escarpão. Não sou monárquico. Sou republicano e socialista. Mas nada tenho a ver com este PS e este Governo. Aliás, enoja-me verificar, neste cenário de recessão económica internacional, o enorme desejo de ajudar os grandes capitalistas e os seus Bancos e Sociedades financeiras e empresas cotadas na Bolsa - grandes vigaristas investigados pelas polícias e pelos reguladores da actividade financeira, fortunas acumuladas em negociatas ilegais através dos famigerados off-shores - esquecendo as tremendas dificuldades da maioria da população, agravadas dia após dia, sem que os poderes instituídos, quer a nível nacional, quer no plano autárquico, para minorar essas dificuldades. Isto é pior do que no tempo do Salazar! Esse dava corda aos ricos, mas não os deixava alargar muito. Pelo menos, o pão, o leite, os livros escolares e outros bens essenciais estavam ao alcance de todos. E trabalho, também havia para quem queria, efectivamente trabalhar.
    Agora, para além de servir os ricos, fazendo os pobres pagar a crise, o que os preocupa mais são os casamentos de homossexuais... e destruir as Famílias, que são a célula fundamental da Sociedade.
  • Sem imagem de perfil

    O Solidário 18.10.2008

    Um último registo no que concerne este ponto. Dizem que em assuntos delicados e que não nos respeitam directamente, deve evitar-se tomar um dos lados. O que sei dizer é que por vezes se tende a menosprezar as crenças das pessoas de idade. Tristemente, muito sofrem elas. Até podem estar doentes, com maleitas diversas e algumas até irreversíveis mas não há dia que passe que estas não rezem e peçam preces pelos estudiosos das células e ciências da vida que ameaçam destruir a família. Custa-me tomar lado. Mas estou plenamente solidário. Em coração, razão e oração.

  • Comentar:

    Mais

    Comentar via SAPO Blogs

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.