Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Albufeira Sempre

Diário sobre Albufeira.

Albufeira Sempre

Diário sobre Albufeira.

Denúncia infame e cobarde

albufeiradiario, 25.09.09

MISERICÓRDIA IMPEDIDA

DE VENDER BOLOS DAS ACÇÕES DE FORMAÇÃO

ZÉ D'ALBUFEIRA                   

Uma reles denúncia anónima de um reles comerciante (?) da nossa praça terá levado a ASAE a proibir a venda dos bolos confeccionados nas acções de formação da Misericórdia de Albufeira.

Estas acções têm como objectivo único ajudar os deserdados da sorte, designadamente crianças órfãs e portadoras de deficiência, a serem alguém na vida, proporcionando-lhes uma identidade e a dignidade que a sociedade egoísta em que vivemos teima em negar-lhes. A venda do produto da sua aprendizagem não tem qualquer fim lucrativo. Trata-se tão-somente de juntar mais umas migalhas sem expressão para minimizar o sofrimento dos rejeitados da sociedade que a Santa Casa acolhe, veste e alimenta. E educa com vista à sua futura emancipação: para que não cresçam seres inferiores e conquistem a cidadania a que têm direito, sem quaisquer dependências ou sujeições à pulhice que impera cada vez mais neste País, em que metade vive para enganar a outra metade!

Toda a gente sabe disto.

Toda a gente menos o porco delator, porventura dono de algum negócio de pastelaria/doçaria, que se sente ameaçado - vejam bem! - por meia dúzia de bolos que a Misericórdia poderá vender diariamente para juntar mais uns tostões ao pobre pecúlio com que usa acudir às carências dos seus (des)protegidos... 

Pena que o autor da denúncia não possa ser denunciado! Para que a gente deixasse de pôr o pé no seu estabelecimento. Talvez, quem sabe?, então pudesse avaliar verdadeiramente o que é o infortúnio daqueles a quem a Santa Casa dá a mão.

 

NOTA - Esclareça-se que a fiscalização da ASAE não detectou quaisquer anomalias ao nível da higiene e das condições de trabalho, bem assim quanto ao armazenamento, manuseamento e exposição dos produtos. Tudo legal, de acordo com as normas mais exigentes. Tanto assim é que a escola continua a laborar normalmente, sem quaisquer impedimentos ou condicionalismos. Somente foi proibida a venda dos bolos, por alegadamente configurar uma situação de... concorrência desleal!

 

(O comentário do nosso prezado comentador rais parta ó miúdo! foi recebido antes de publicada a presente nota de esclarecimento).

 

*foto Conistorgis - O Cantinho dos Deuses

 

2 comentários

  • Sem imagem de perfil

    Zé Louro 26.09.2009

    `´A atenção da senhora Helena Serra, acho óptimo o contributo do senhor Manel Rufia. Ofereçam-nos os bolos qie nós em troca damos um donativo. Não à lei que o proiba nem nenhum desprezível bufo que o
    impeça.
  • Comentar:

    Mais

    Comentar via SAPO Blogs

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.