Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Albufeira Sempre

Diário sobre Albufeira.

Albufeira Sempre

Diário sobre Albufeira.

As autoridades não actuam

albufeiradiario, 03.08.06

Trânsito caótico em Albufeira

                             ALBUFEIRENSE INDIGNADO 

A cada dia que passa,é deveras impressionante verificar o caos em que Albufeira se encontra mergulhada por força da intervenção do Polis. É uma terra sem rei nem roque, onde todos fazem o que querem sob a complacência das entidades que era suposto fiscalizar e pôr cobro aos desmandos que se cometem. Começando pelo trânsito, é notório que este se processa de forma anárquica; os transeuntes e as viaturas deslocam-se no mesmo espaço, porque não há o minímo respeito pelo cumprimento da sinalética existente nas ruas, assistindo-se a uma constante falta de civismo. É verdade que existe a tal sinalização vertical, mas a sua eficácia é praticamente nula e a sua colocação é de tal ordem que melhor seria retirá-la, porque ninguém a cumpre nem a faz cumprir. É um salve-se quem poder. Os passeios destinados a peões estão pejados de carros estacionados, o que os obriga a deslocarem-se nas faixas de rodagem onde se cruzam com as viaturas que aí transitam, correndo o risco de atropelamento. Por sua vez, onde existe sinalização de estacionamento e trânsito proibido, é ver automóveis a cicularem sem qualquer impedimento; os sinais de trânsito servem apenas de adorno nas ruas, porque cumpri-los ninguém os cumpre. É um fartar vilanagem ! As autoridades que têm competência nesta matéria (GNR, Polícia Municipal), limitam-se a assobiar para o ar e fazem de conta de que nada se passa. A GNR que é a autoridade de maior preponderância em matéria de trânsito, chega mesmo a ignorar situações de evidente transgressão, não actuando em conformidade. Não sei se será distracção, o que é difícil de crer, ou se terá ordens superiores nesse sentido, o que seria bastante grave. Que eu saiba o actual Código da Estrada impõe regras muito rigorosas e prevê duras penalizações no que respeita às transgressões de trânsito. Então, por que motivo se assiste a este preocupante laxismo ? Na zona do Rossio a anarquia no trânsito é de bradar aos céus. Aqui nada se respeita, é o abuso total. Transita-se por todo o lado, mesmo em sentido contário ou em zonas interditas, estaciona-se em locais proibidos, pese embora o facto de existir sinalização reguladora. As autoridades que poderiam disciplinar esta situação não se deslocam a esta zona. Até parece que o Rossio não faz parte do itinerário da GNR quando faz os respectivos giros. Esta situação é tão caricata que mesmo o conjunto de três pérgolas (espécie de alpendres para dar sombra com bancos corridos por baixo) aqui instalado e que até uma obra muito elogiada pelo Sr. Presidente da Câmara (isto há gostos para tudo), serve para albergar carros, principalmente à noite. Uma dessas pérgolas, para além de servir de estacionamento para carros, também é utilizada abusivamente como esplanada de um snack-bar aqui existente, o que impede que as pessoas que pretendem sentar-se no referido banco,  o possam fazer. Por acaso a fiscalização da Câmara tem conhecimento "in loco" deste caso, mas como quase sempre acontece, a sua acção é inofensiva. Enfim, mais havia para dizer. Ficará para outra oportunidade.

.

contacto - albufeirasempre@sapo.pt

3 comentários

Comentar post