Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Albufeira Sempre

Diário sobre Albufeira.

Albufeira Sempre

Diário sobre Albufeira.

Parque da Alfarrobeira

albufeiradiario, 14.04.10

PROIBIDO DESCURAR

A MANUTENÇÃO

 

ZÉ D'ALBUFEIRA                           d.r.

Lançado para calar as vozes que condenaram a liquidação dojardim da Meia Laranja(pesadíssima herança Polis), o Parque da Alfarrobeira teve honras de 'plantação da primeira árvore' e pomposa 'inauguração'. Tudo bem. Por acaso, até veio ocupar e tornar útil uma área ao abandono, envolvente norte do estádio, entre este e a Quinta do Infante.

Foi dotado com algumas (boas) infraestruturas, de que se destacam um quiosque de comes-e-bebes (que vem causando enorme inveja aos cafés adjacentes...) e um parque infantil, normalmente frequentado por famílias que ali encontram o espaço de lazer que os promotores dos loteamentos onde compraram casa não cuidaram de lhes facultar.

Só é pena que, à medida que passam os meses, se vá notando que é cada vez menor o cuidado posto na manutenção de tão importante (e cara) zona verde, integrada na cidade desportiva.

Com efeito, a relva vai cedendo lugar, em alguns sítios (a começar pela entrada principal...) a ervas daninhas, enquanto algumas árvores vão aparecendo derrubadas pelo vento sem que ninguém trate de as (re)colocar no porte adequado. Se continuarem a crescer assim, mais cedo ou mais tarde, acabarão por ser abatidas. Quem lucrará com isso? Talvez o viveiro que as fornece...

Por outro lado, já que parece impossível evitar que surjam graffittis, ao menos que os apaguem e devolvam às superfícies gatafunhadas o aspecto original, limpo.

Manter o parque em boas condições não traz custos acrescidos. O investimento está feito e aprovado e a manutenção está a ser paga pelo Município. O que falta é que este fiscalize convenientemente a empresa adjudicatária dos serviços.

*foto ALBUFEIRAsempre

 

2 comentários

Comentar post