Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Albufeira Sempre

Diário sobre Albufeira.

Albufeira Sempre

Diário sobre Albufeira.

Marasmo nas pescas

albufeiradiario, 22.06.19

Graves lacunas nas infraestruturas locais

65001182_2281772301904572_8613842840985796608_o.jp

                                                                                                           d.r.

ZÉ D'ALBUFEIRA

Albufeira podia ter uma frota de pesca não muito inferior à da vizinha Quarteira, se quem de direito tivesse criado condições de desenvolvimento compatíveis com a tradição piscatória do concelho.

Tendo em conta o histórico deste setor no século passado, a forte influência nas famílias locais e o peso na economia da região - e se considerarmos as centenas de descendentes, naturais seguidores dos homens do mar da nossa terra, que se viram na necessidade de fugir para atividades bem diversas por total ausência de infraestruturas portuárias e de condições de trabalho garantes do futuro -, então podemos afirmar sem medo de faltar à verdade que Albufeira falhou o maior desígnio comunitário que podia ter concretizado.

E nem mesmo o cantinho insípido que lhe deram, entre o molhe leste e o canal de acesso à (pseudo)marina, que mais não foi do que um atirar de areia para os olhos das pessoas, embora pomposamente chamado de porto de pesca, serviu para emendar a mão.

As lacunas existentes são gritantes, como atestam as dificuldades sentidas pelos pescadores que ainda teimam em sê-lo, quando confrontados com a faina diária.

O mais grave de tudo, causa forte de desmotivação para os que ainda acreditam, é que não se vislumbram, por parte das autoridades com voto na matéria, quaisquer sinais credíveis de esforço no sentido de ultrapassar o marasmo existente.